• Olé Comunicação

Atualizado: 25 de Ago de 2020

Em 15 anos de mercado, agência Olé Comunicação é referência em demonstrar que o ser humano ainda é a melhor fonte de inspiração

Nossa exclamação: Olé! Esta espanholíssima palavra provém do árabe Wa-(a)llah. O entusiasmo diante de uma beleza particular ou alegria surpreendente. Formada por uma equipe de especialistas na área, como publicitários, jornalistas e designers, a Olé se dedica a encontrar soluções novas, produtivas e inovadoras com foco no envolvimento diário entre marcas e pessoas. E tudo isso em 15 anos no mercado da comunicação.


E quem está à frente desta experiência e conhecimento que caracteriza a Olé Comunicação é Maria Dolores Suárez Cruz Betto, ou simplesmente, Loli. Segundo a publicitária e estrategista da agência, “nos comunicamos a todo instante, até mesmo quando não usamos as palavras em si. E comunicar é se conectar com o outro e o elo disso é a comunicação, ela deve ser considerada uma das prioridades estratégicas no enfrentamento de qualquer crise”.


Mais do que nunca se torna relevante a estratégia de uma comunicação que auxilie a transformar instituições mais presentes e marcas mais reais, evidenciando valores, propósitos e o DNA da empresa.


De acordo com Loli, “ao longo da minha formação sempre tive uma influência muito grande das artes, seja pelos estudos em Belas Artes, Design ou Publicidade e Propaganda. E o que significa essa influência? É trazer o novo, criar e interpretar o momento do ser humano”.


Por isso, criar e manter marcas mais fortalecidas, por meio de uma identidade bem estruturada, é a receita para trazer o público mais perto de um mercado que conhece as necessidades de cada pessoa, portanto, o que vale é a direção e não a velocidade.

Sendo uma das agências de comunicação mais antigas na cidade de Foz do Iguaçu, a Olé reúne elementos fundamentais que norteiam os trabalhos de criação e design: talento, força e resultados. E acreditar nisso é o que torna cada detalhe importante, afinal, é necessário talentos e a união de forças para trazer resultados. E ao fazer 15 anos de mercado, a #OléComunica. Também é #OléConecta. Ou seja, uma proposta que oferece, a todo o momento, conteúdos relevantes do mercado empreendedor.

Atualizado: 25 de Ago de 2020

Gran Meliá aposta em medidas mais afetivas para atrair público após a reabertura

Uma relação mais íntima com o público. É com este pensamento que o Hotel Gran Meliá Iguazú busca uma visão de diversidade, priorizando a riqueza humana e a importância em se preservar as belezas naturais. Diante disso, o único hotel no Parque Nacional do Iguaçu, do lado argentino, trabalha para a implementação de todos os protocolos de higiene e mantém o otimismo sobre o futuro.


Para estabelecer o foco diante das transformações que ocorrem em todos os setores do mercado, principalmente no do Turismo, Mynor Espinoza, gerente do Hotel Gran Meliá, explica que “o Meliá Hotels International tem realizado uma aliança comercial com o Bureau Veritas, uma organização internacional com o objetivo de indicar padrões de qualidade por parte das empresas do mundo todo, o qual tem descrito normativas para a prevenção do Covid-19”.


Ainda sem previsão de reabertura, Mynor define que a atenção com os colaboradores é um dos pontos em que o hotel trabalha constantemente. “Estamos realizando cursos de captação virtual. Acreditamos fielmente que o recurso humano será crucial nesta nova forma de perceber os serviços prestados. Por isso estamos cuidando, primeiramente, da capacidade de toda a nossa equipe”, destaca o gerente.


Valorizar experiências e histórias de cada hóspede é o que o Gran Meliá Iguazú procura neste momento. Mynor ressalta que “o mais importante é estabelecer uma conexão emocional com o cliente e transmitir confiança, alinhando esta forma de pensamento com uma boa comunicação virtual”.

Atualizado: 25 de Ago de 2020

A nova realidade em que vivemos exige uma transformação mais profunda, mais interna. E o que esta pandemia nos mostra é que não é hora de parar com o marketing, é hora de mudá-lo

Não existe lugar ou setor da economia onde a pandemia do novo coronavírus não tenha atingido. Nesse momento de comércios fechados por tempo indeterminado e isolamento social, é compreensível que empresas e marcas estejam apostando em esforços extras para resguardar, na medida do possível, a saúde financeira. Mas o ponto a se chamar atenção é considerar que a comunicação nunca sai de moda, pelo contrário, ela deve ser considerada uma das prioridades estratégicas no enfrentamento da crise.


E é justamente por meio da comunicação que o primeiro passo consiste em não sair de cena. Marcas que não tomam a frente em tempos como este correm o risco de se tornarem esquecidas e, até mesmo, mal vistas por se ausentarem diante de um mercado que necessita da troca de informação e experiências.


Mais do que nunca se torna relevante a estratégia de uma comunicação que auxilie a transformar instituições mais presentes e marcas mais reais, evidenciando valores, propósitos e o DNA da empresa.


Por isso, criar e manter marcas mais fortalecidas, por meio de uma identidade bem estruturada, é a receita para trazer o público mais perto de um mercado que conhece as necessidades de cada pessoa, portanto, o que vale é a direção e não a velocidade.


Quem nos conhece, sabe dos elementos que norteiam a Olé, ou seja, talento, força e resultado. Acreditamos fielmente nisso. E ao fazer 15 anos de mercado, a #OléComunica, a #OléConecta.


Conte sua história pra gente!